Menu

Análise – Tekken 7: Season Pass 3

O mais recente conteúdo da Season Pass de TEKKEN 7 foi lançada há alguns meses e tivemos tempo para experimentar todas as novidades, além das novas personagens. A razão pela qual esta Season Pass está a ser analisada, é porque existe muita coisa nova que muda várias partes da jogabilidade e forma de “estudar” o jogo.

Alguns meses e patches depois, eis que chega a análise ao mais recente conteúdo de TEKKEN 7. Quem anda nestas andanças, sabe que TEKKEN costuma ser minimamente equilibrado, em termos de personagens e ataques. Existem algumas personagens “mais difíceis” e outras “mais fáceis”, mas de modo geral a personagem mais fraca do jogo tem o mínimo de hipótese de ganhar ao adversário. Mas se ultimamente as Season Passes de TEKKEN têm dado que falar, esta última arrebentou com a escala. A temporada começou “normal”, com o lançamento de Zafina, a novata proveniente de TEKKEN 6, mas foi extremamente importante na história anterior, como é possível ver pelos seus novos ataques que combina ataques antigos com o poder de Azazel, o boss final de TEKKEN 6. Zafina é uma personagem que requer algum treino, pois tem várias posturas de combate, tal como acontece com Lei. Depois tivemos a primeira quebra de fluxo: Leroy Smith.

Leroy Smith é uma personagem completamente nova que veio quebrar tudo e todos, com o seu estilo defensivo e que aposta na punição do oponente com contra-ataques poderosos. Muitos jogadores ficaram possessos pelo facto da personagem ser demasiado poderosa e simplesmente conseguir ganhar tudo e todos com os seus parries e consequentes punições. E não foram só os jogadores casuais, alguns jogadores profissionais mostraram o seu desagrado publicamente, explicando o porquê da personagem ter que ser equilibrada, ou até mesmo banida dos torneios. Ganryu foi o terceiro conteúdo disponibilizado na Season Pass, tendo agradado vários jogadores. E tal como aconteceu com Zafina, a reacção do público em geral foi de aprovação, sendo que a personagem apenas ampliou um pouco as suas técnicas anteriores, sem grandes adições controversas.

Foram também adicionadas novas opções de treino, como é o caso de Frame Data, onde é possível esmiuçar quais técnicas são mais rápidas do que outras, e quais devemos usar para punir o oponente. Foram adicionados também novas funções para ajudar os jogadores, tal como aconteceu na Season Pass 2 com os Assists, como acontecia no modo história, onde podemos usar um botão apenas para realizar técnicas mais complicadas e Auto-Combos, que tal como o nome indica, ajudam a estender os nosso combos, temos agora os My Replays, que também como o nome indica, são as nossas gravações de jogos anteriores, onde são analisadas as decisões e recomendadas certas estratégias para melhor a nossa performance durante o combate e o Practice Mode foi melhorado, incluindo agora um modo onde podemos treinar várias estratégias de punição e defesa.

E por último, Fahkumram, a personagem mais inspirada em Baki The Grappler que temos na série TEKKEN. Proporções altamente exageradas, possivelmente a personagem mais alta do jogo, segundo a história, e que em termos de jogabilidade, parece não ter trazido nada de novo à série, mas existe uma concordância que as execuções técnicas são extremamente fáceis para o dano que provoca, colocando a personagem quase no topo da lista, mas nada parecido com Leroy Smith. Feitas as contas, tem sido uma personagem minimamente aceite. Foi também adicionada uma nova arena, com três pisos.

Apesar das novas adições aos vários modos de treino e maneiras de ensinar os jogadores a “jogar”, caso sejam jogadores mais interessados no conteúdo casual da série vão ficar decepcionados, pois além das personagens novas e arena, a história não sofre alterações e não são adicionados novos modos mais casuais. Caso façam parte do lado mais core da comunidade, provavelmente irão gostar de quase tudo, ainda que algumas personagens possam provocar alguma frustração, só porque são mais recentes e irão receber alterações durante os próximos meses. Resumidamente, uma boa temporada, mas que podia ter sido muito boa, ou até excelente, não fossem as várias falhas.

 

Podem ver as mais recentes mudanças aqui.

█ F.S.

Análise – Tekken 7: Season Pass 3

TEKKEN 7: SEASON PASS3 está disponível para a PlayStation®4, Xbox One, e na STEAM® para o PC. Para mais informações, visita o website oficial.

O mais recente conteúdo da Season Pass de TEKKEN 7 foi lançada há alguns meses e tivemos tempo para experimentar todas as novidades, além das novas personagens. A razão pela qual esta Season Pass está a ser analisada, é porque existe muita coisa nova que muda várias partes da jogabilidade…

Tekken 7: Season Pass 3

DLC - 75%

75%

Bom

Apesar das novas adições aos vários modos de treino e maneiras de ensinar os jogadores a "jogar", caso sejam jogadores mais interessados no conteúdo casual da série vão ficar decepcionados. Caso façam parte do lado mais core da comunidade, provavelmente irão gostar de quase tudo, ainda que algumas personagens possam provocar alguma frustração. Uma boa temporada, mas que podia ter sido muito boa, ou até excelente, não fossem as várias falhas.

User Rating: Be the first one !
Filipe Silva
Aborrece-me:

Sem Comentários

Deixe uma resposta

Junta-te a nós no facebook

Vídeo em destaque

Próximos Lançamentos